Rankings de posts no Facebook: Perguntas Frequentes

Este documento pretende responder de uma forma simples às perguntas mais frequentes que nos são colocadas a propósito dos rankings (diários, semanais ou mensais) sobre os conteúdos mais populares do Facebook que o MediaLab CIES Iscte tem vindo a publicar nas suas redes sociais e/ou no seu website. Essa publicação segue um conjunto de critérios e usa ferramentas que podem carecer de uma explicação adicional. Este documento pretende responder a essa necessidade.

Como são realizados os rankings que o MediaLab publica sobre os conteúdos mais populares no Facebook?

Os rankings dos conteúdos mais populares no Facebook são extraídos daquela rede através de uma ferramenta proprietária do Facebook chamada Crowdtangle. Na nossa utilização dessa ferramenta, a mesma é configurada para fazer a extração dos posts (qualquer que seja o seu tipo) publicados durante o período em causa (um dia, uma semana ou um mês), pelas páginas de Facebook portuguesas. A extração é programada para ordenar os posts pelo maior número de interações durante o período. Consideram-se interações todos os ‘likes/gostos’, todos os comentários e todas as partilhas.

Como definem quais são os posts mais ‘populares’ ou mais ‘virais’ durante um determinado período?

Para definir quais os posts mais ‘populares’ ou mais ‘virais’ do Facebook num determinado período de tempo usamos uma métrica nativa do Facebook: o ‘engagement’ ou a ‘interação’. O Facebook considera que existe um ‘engagement’ ou uma ‘interação’ sempre que um utilizador clica num dos botões de ‘like/gosto’, sempre que faz um comentário ao post ou sempre que o partilha. Todas essas ações implicam uma atenção prestada pelo utilizador ao post e ao seu conteúdo, o que confere a essa métrica uma importância decisiva neste contexto. Na verdade, quando falamos de posts mais ‘populares’ ou mais ‘virais’, estamos a usar termos populares para indicar um termo técnico específico: ‘engagement’ ou ‘interações’. Aquilo que apresentamos coloquialmente como posts mais “populares” ou mais ‘virais’ corresponde na realidade aos posts com mais interações num determinado período.

Como foi utilizada a plataforma Crowdtangle?

A plataforma Crowdtangle foi usada para extrair dados de páginas e grupos públicos do Facebook previamente agrupados em listas (ver critérios de seleção noutra resposta), assim como para extrair dados das páginas de Facebook dos 70 principais meios de comunicação social portugueses, segundo uma lista preparada pelo próprio Facebook. As duas primeiras dessas listas foram monitorizadas, em todo o seu conteúdo, para os estudo de desinformação. E as três listas foram monitorizadas segundo uma query, para os estudos relacionados com o Covid-19. Essa query foi a seguinte: “coronavírus, corona vírus, covid19, covid 19, covid-19, covit19, covit 19, covit-19, coronavirus, corona virus, virus da china, vírus da china”. Depois de pesquisar os dados nas páginas ou grupos públicos do Facebook usando a plataforma Crowdtangle, estes dados são exportados em formato CSV (Comma Separated Values) para serem objeto de tratamento posterior (ordenações, médias e totais).

Porque razão é que os “likes/gostos” às vezes não batem certo com o ranking?

O ranking é ordenado considerando a soma simples dos ‘likes/gostos’, dos comentários e das partilhas. É possível que, em certos casos, um post tenha menos ‘likes’ que outro, mas tenhas mais comentários ou mais partilhas. A ordenação não resulta apenas dos ‘likes’, mas sim da soma dos ‘likes’, comentários e partilhas.

Como foram obtidos dados do WhatsApp?

Para o estudo sobre o COVID19 os dados do WhatsApp foram obtidos na sequência de uma campanha de sensibilização dinamizada pelo MediaLab nas diversas redes sociais, com início a 12 de Março de 2020. Nessa campanha, pedimos aos utilizadores que nos reencaminhassem para uma conta de WhatsApp do MediaLab conteúdo que considerassem suspeito sobre o COVID19, nomeadamente áudios. O perfil de WhatsApp do MediaLab tinha o ícone do laboratório na foto e na biografia explicava que se tratava de uma iniciativa integrada no nosso projeto de investigação sobre desinformação nas redes sociais, contendo um link para o referido projeto. Houve uma grande adesão que correspondeu a milhares de mensagens. A cada utilizador foi efetuado um agradecimento, uma explicação de que nenhuns dados pessoais seriam guardados e informando-o que caso não quisesse participar era só responder aquela mensagem e os dados partilhados seriam removidos, com nenhum caso registado até ao momento nesse sentido.

Que tipo de posts são considerados nos rankings? Os posts publicados nos perfis pessoais também são considerados?

Apenas são considerados para os rankings os posts publicados por páginas (e que, por definição são públicos). Nem as publicações pessoais no perfil dos utilizadores nem as publicações que os utilizadores possam fazer em grupos (mesmo que estes sejam públicos) são consideradas para o ranking.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.