Barómetro: Opinião no Facebook entre 20 e 26 de Abril 2020

Top10 artigos de opinião no Facebook

Semana de 20 a 26 de Abril 2020

Por Nuno Palma e Gustavo Cardoso

 

O ditado popular “Quem tem saúde e liberdade, é rico e não o sabe” tornou-se central para compreender as preocupações de quem em Portugal escreve e interage nas redes com a opinião publicada na comunicação social. Nesta semana a economia, a democracia e o 25 de Abril foram as temática mais presentes na opinião e nas partilhas no Facebook.
O destaque na análise vai para o fenómeno do Populismo Científico em artigos de opinião, o qual entrou diretamente para os TOP10. Textos assinados por Pedro Caetano e André Dias exemplificam essa dinâmica em que matérias científicas, não sustentadas pela maioria da comunidade científica, são apropriadas para sustentar posições com implicações políticas na esfera pública . A lógica do Populismo Científico é a de sustentar posições minoritárias na opinião pública com a interpretação de dados científicos e assim ganhar atenção e interações. Este tipo de opinião está centrado no jornal Observador não sendo, ainda, visível noutros meios de comunicação. Nesta semana a opinião nas redes em Portugal foi liderada pelo médico Gustavo Carona, seguido pelo jornalista Daniel Oliveira e pela professora aposentada Maria do Rosário Gama. O pódium das marcas de opinião manteve-se inalterado com a liderança do Público, seguido pelo Observador, mas ambos com quebras significativas de interações nos seus artigos. Já o Expresso aumentou as interações e consolidou a terceira posição.
Daniel Oliveira mantém a liderança da opinião em Portugal desde Dezembro de 2019 e Pedro Caetano manteve o segundo lugar entre os autores com apenas dois artigos. No entanto, o seu artigo “Visão factual Epidemiológica” continua a ser o artigo com mais interacções em 4 meses tendo atingido o topo numa só semana com mais de cem mil interacções.

 

Artigos com mais interacções no Facebook

20 a 26 de Abril 2020

Figura 1: Artigos de opinião com mais interacções no Facebook no período entre 20 a 26 de Abril 2020

 

Analisando a figura 1 percebemos que o tema das comemorações do 25 de Abril em tempo de pandemia foi o tema mais presente, sendo o foco de metade dos artigos com mais interacções no Facebook no período analisado. Ao contrário de semanas anteriores, a pandemia não é o tema em maior destaque, embora o topo da tabela seja ocupado pelo relato na primeira pessoa da experiência do médico intensivista Gustavo Carona no combate à Covid-19. A possibilidade do confinamento continuar apenas para os mais velhos aparece também em destaque através dos artigos de Maria do Rosário Gama e Daniel Oliveira, autor que assina dois dos dez artigos com maior destaque no Facebook. Importa também destacar o artigo de André Dias que, apresentando uma visão da actual pandemia diferente da maioria das autoridades de saúde, recebeu especial atenção nas redes sociais sendo o quinto artigo que mais interacções gerou.

 

Conceitos mais frequentemente referidos

20 a 26 de Abril 2020

Figura 2 conceitos mais frequentes, extraídos através do processamento de linguagem natural com recurso à IBM Watson NLU API, dos artigos de opinião publicados no período entre 20 e 26 de Abril 2020.

 

Conceitos com mais Interações

Semana de 20 a 26 de Abril 2020

Figura 3: conceitos com mais interacções, extraídos através do processamento de linguagem natural com recurso à IBM Watson NLU API, dos artigos de opinião publicados no período entre 6 e 12 de Abril 2020, ordenados tendo em conta o número de interacções geradas no Facebook.

 

Embora a economia continue, tal como em semanas anteriores, a ser o tema mais referido em artigos de opinião, as comemorações do 25 de Abril trouxeram a Democracia para primeiro plano em termos de interacções geradas. Assembleia da República, Parlamento e Constituição são termos que assumiram, em termos de interacções, um destaque semelhante aos termos relacionados com a actual pandemia.

 

Entidades mais frequentemente referidas

Semana de 20 a 26 de Abril 2020

Figura 4: entidades mais frequentes extraídas, através do processamento de linguagem natural com recurso à IBM Watson NLU API, dos artigos de opinião publicados no período entre 6 e 12 de Abril 2020

 

Entidades com mais Interações

Semana de 20 a 26 de Abril 2020

Figura 5: entidades extraídas, através do processamento de linguagem natural com recurso à IBM Watson NLU API, dos artigos de opinião publicados no período de 20 a 26 de Abril 2020, ordenados tendo em conta o número de interacções geradas no Facebook

 

Analisando as figuras 4 e 5, percebemos que o 25 de Abril foi não só a entidade mais referida como também a que mais interacções gerou. Esta análise confirma a clara prevalência deste tema durante o período analisado.

 

Órgão de Origem da Opinião

Semana de 20 a 26 de Abril 2020

Figura 6: Total de artigos de opinião, autores e interações no Facebook no período de 20 a 26 de Abril 2020

 

A figura 6 permite-nos realizar uma análise sobre os artigos de opinião quanto à predominância das origens dos mesmos nos vários media analisados. Nesta análise, o jornal Público aparece destacado em todos os critérios de análise: número de artigos, número de autores e interações. O baixo número de interacções registado nos artigos do Correio da Manhã poderá ser explicado pelo facto de, no website deste jornal, os artigos de opinião serem conteúdo de acesso exclusivo a assinantes.

 

Resultados Acumulados

Autores com mais interacções no Facebook

Acumulado entre 1 de Dezembro 2019 a 26 de Abril 2020*

Figura 7: Autores cujos artigos publicados contabilizaram mais interacções no Facebook no período entre 1 de Dezembro de 2019 e 26 de Abril 2020.

 

Artigos com mais interacções no Facebook

Acumulado entre 1 de Dezembro 2019 a 26 de Abril 2020*

Figura 8: Artigos de opinião com mais interacções no Facebook no período entre 1 de Dezembro 2019 e 26 de Abril 2020

 

Quadro Resumo: Meio de comunicação e Opinião

1 de Dezembro 2019 a 26 de Abril 2020*

Figura 9: Total de artigos de opinião, autores e interações no Facebook no período entre 1 de Dezembro 2019 e 26 de Abril 2020.

 

* Artigos do Jornal de Notícias contabilizados apenas a partir de 1 de Março

 

Nota metodológica

Esta análise tem como objetivo medir o alcance no Facebook de autores e artigos de opinião publicados nos websites de oito dos principais orgãos de comunicação social portugueses. Os dados utilizados nesta análise foram recolhidos através da extração automatizada dos artigos das secções de opinião dos websites dos media analisados (Correio da Manhã, Diário de Notícias, Expresso, Jornal de Notícias, Observador, Público, Sic Notícias e TVI 24) durante a semana de 20 a 26 de Abril, tendo por base uma amostra de 560 artigos. São ainda apresentados resultados referentes a um período mais alargado tendo por base 7,805 artigos publicados entre 1 de Dezembro de 2019 e 26 de abril de 2020. As interações de cada artigo no Facebook foram recolhidas através da Facebook Graph API que permite obter as métricas das interações de um determinado URL em toda a plataforma. A análise do conteúdo para extração dos principais conceitos e entidades presentes nos artigos recolhidos foi realizada com recurso à integração da API Natural Language Understanding disponibilizada pelo serviço de inteligência artificial da IBM.

O Barómetro de artigos de opinião no Facebook é desenvolvido no MediaLab Cies_Iscte. É coordenado e codificado por Gustavo Cardoso e Nuno Palma.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.